Árbitro Wagner Reway já apitou oito jogos do Corinthians, o time só perdeu um com ele apitando

[dfads params=’groups=587′]

Árbitro apitará Vasco x Corinthians nesta quarta-feira ás 21:45h em São Januário.
Veja os jogos:
11 de dezembro de 2016 – Corinthians 2 x 3 Cruzeiro
29 de Junho de 2016 – Corinthians 2 x 0 América – MG
29 de Maio de 2016 – Corinthians 2 x 0 Sport
15 de Outubro de 2015 – Corinthians 3 x 0 Goiás
17 de Julho de 2014 – Corinthians 2 x 1 Internacional
04 de Maio de 2014 – Chapecoense 0 x 1 Corinthians
14 de Julho de 2012 – Corinthians 2 x 1 Náutico
20 de Novembro de 2011 – Corinthians x Atlético – MG
Fonte: Pesquisa
[dfads params=’groups=588′]
Polêmicas
Em 2013, apitando o jogo entre Palmeiras e Sport, pela série B, o árbitro se envolveu em uma
polêmica de arbitragem que levou a diretoria do Palmeiras a pedir sua cassação.
Em 2014, apitando o jogo Flamengo e Coritiba pela Copa do Brasil, se envolveu em várias
polêmicas.
[dfads params=’groups=587′]
Em 2016, apitando o jogo Botafogo e Atlético pelo Campeonato Brasileiro, se envolveu em
várias polêmicas ajudando o Botafogo em lances capitais da partida. Jornalista Chico Maia:
Esse Wagner Reway, do Mato Grosso, parece também seguir a cartilha e entrar para o “Hall dos
polêmicos”. Validou gol ajeitado com a mão do Botafogo e deixou de apitar pênalti a favor do
Atlético, minutos depois. Esperto, não quis nem papo com o bandeirinha, que no lance do gol
dos cariocas chamou a atenção dele. Bom aprendiz, viu onde o Ricci errou na quinta-feira.
[dfads params=’groups=588′]
Reway não é virgem em polêmicas. Em 2014 o Internacional gritou ao vê-lo escalado para um
jogo contra o Corinthians, já que na rodada anterior ele beneficiou o time paulista contra a
Chapecoense. Validou gol do Guerrero, que ajeitou a bola com a mão para marcar o gol da vitória corintiana.

Em 2012 Wagner Reway estava na lista “Top 5” da Gazeta Press, entre os “Árbitros mais
contestados do Brasileirão”. Teve reclamações em três dos seis jogos que havia apitado. O mais
polêmico: beneficiou o Flamengo contra Ponte Preta no empate 2 x 2 em Campinas. Nos acréscimos, o que seria tiro de meta para a Ponte foi transformado em escanteio para o Fla.
Via Wikipédia
[dfads params=’groups=588′]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *