Comentarista diz que “Vasco é o Botafogo de 2016”

[dfads params=’groups=587′]

Se há poucos meses o torcedor vascaíno tinha como objetivo ver o time permanecer na elite do Campeanato Brasileiro, o cenário mudou com os últimos resultados do clube, que vem em uma crescente na tabela e, ao invés de olhar para trás, começa a mirar a parte de cima e a sonhar com uma vaga na Libertadores de 2018. A realidade cruz-maltina faz Paulo Cesar Vasconcellos lembrar da situação vivida pelo Botafogo do ano passado, quando foi visto como “candidato ao rebaixamento” e terminou a disputa em quinto e na zona de classificação para o torneio continental.

– O Vasco está a cinco pontos de, matematicamente, se livrar do rebaixamento. Estou dando como nota de corte 47 pontos, ao invés dos tradicionais 45. Cinco pontos, até o final do campeonato, ele vai fazer. Acho que é mais um capítulo do nosso “sentencialismo”. O Vasco é hoje o Botafogo do ano passado. O Botafogo do ano passado, após o primeiro turno, o que se dizia? E o que aconteceu? Terminou se classificando para a fase classificatória da Libertadores – afirmou, no “Redação SporTV”, lembrando as previsões pessimistas feitas para o Glorioso.

[dfads params=’groups=588′]
[dfads params=’groups=1322′]

Vasco vive nova fase e começa a mirar Libertadores após período de turbulência  (Foto: Marcos Souza/Estadão Conteúdo)Vasco vive nova fase e começa a mirar Libertadores após período de turbulência  (Foto: Marcos Souza/Estadão Conteúdo)

Vasco vive nova fase e começa a mirar Libertadores após período de turbulência (Foto: Marcos Souza/Estadão Conteúdo)

[dfads params=’groups=587′]
[dfads params=’groups=1322′]

O apresentador André Rizek lembra que o Vasco foi apontado por muitos comentaristas como “candidato” ao rebaixamento, discurso que ficou no passado. O jornalista vê de maneira positiva o novo cenário depois de uma história recente de quedas – foi rebaixado em 2015, 2008 e 2013.

[dfads params=’groups=587′]

– Rebaixamento não é uma realidade para o Vasco. Podia ser lá quando o Campeonato Brasileiro começou, comentaristas – como eu – viam muito risco para o Vasco, mas a realidade do time, hoje, é brigar por vaga na Libertadores (…) Que a gente se acostume a olhar para o Vasco do tamanho que ele é, e não do Vasco que nos últimos anos jogou para não cair. Tomara que siga o caminho de voltar a ser o Vasco da Gama, que briga por título e não por não cair. Esse ano, a realidade é essa – disse.

Na oitava colocação com 42 pontos, o time de Zé Ricardo encara o Coritiba, sábado, às 17h, no Maracanã, com a possibilidade de entrar pela primeira vez para a zona de classificação para a Libertadores.

Fonte: Sportv
[dfads params=’groups=587′]
[dfads params=’groups=1322′]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *