Confira quem fica e quem deve sair do Vasco para a temporada 2017

O elenco do Vasco foi um dos primeiros a entrar de férias, já que a Série B terminou duas semanas antes da Primeira Divisão. A torcida anseia por nomes novos para a próxima temporada, e o sufoco na reta final de 2016, ainda que o time tenha garantido o acesso, evidenciou isso. A diretoria, por sua vez, adota cautela nas negociações. O técnico Cristóvão Borges foi o único confirmado até agora.

Abaixo, o GloboEsporte.com apresenta um breve guia sobre a situação do atual elenco, quem pode chegar e como será o início de ano do Vasco. Confira!

Pré-temporada e primeiro confronto

Os jogadores vão se reapresentar dia 2 de janeiro e viajam dia 12 para os Estados Unidos, onde será realizada a pré-temporada. Lá, o time disputa o Torneio da Flórida. A estreia será no dia 15, no Lockhart Stadium, contra o Barcelona de Guayaquil – mesmo adversário da final da Libertadores de 1998, quando o Cruz-Maltino foi campeão.

A competição será dividida em dois torneios este ano. O FC Challenge e o FC Playoff. O Vasco disputa o segundo, que tem também os brasileiros Corinthians, São Paulo e Internacional, além dos estrangeiros River Plate (Argentina), Barcelona SC (Equador), Shangai Sipg (China) e Millonarios (Colômbia). Se avançar até a final, no dia 21 de janeiro, o Cruz-Maltino jogará, contando o confronto inicial, três partidas. A volta para o Brasil está prevista para o dia 22 de janeiro.

Situação do elenco

Martín Silva (goleiro) – contrato até 31/12/2017 – Fica

Jordi (goleiro) – contrato até 30/06/2021 – Fica

Gabriel Félix (goleiro) – contrato até 16/02/2021 – Fica

Yago Pikachu (lateral-direito ou meia) – contrato até 31/12/2018 – Fica

Madson (lateral-direito) – contrato até 21/07/2019 – Fica

Julio Cesar (lateral-esquerdo) – contrato até 31/12/2017 – Fica

Alan Cardoso (lateral-esquerdo) – contrato até 24/05/2019 – Fica

Henrique (lateral-esquerdo) – contrato até 03/08/2020 – Fica

Luan (zagueiro) – contrato até 30/07/2019 – Contrato longo, mas negociável – interessa ao Galatasaray, da Turquia

Rodrigo (zagueiro) – contrato até 31/12/2017 – Fica

Jomar (zagueiro) – contrato até 31/12/2016 – Acertou a renovação por mais três anos; ainda não está no Bira

Rafael Marques (zagueiro) – contrato até 31/12/2017 – Fica

Aislan (zagueiro) – contrato até 31/12/2016 – Está a caminho do Boavista

Douglas (volante) – contrato até 31/12/2019 – Fica

Julio dos Santos (volante) contrato até 31/12/2016 – Tem chances de renovação

Marcelo Mattos (volante) contrato até 31/12/2016 – Vai renovar; deve ser por mais uma temporada

Andrey (volante) – contrato até 04/09/2018 – Fica

Bruno Gallo (volante) – contrato até 31/12/2016 – Tem chances de renovação

Diguinho (volante) – contrato até 31/12/2017 – Fica

William (volante) – contrato até 31/12/2016 – Deve voltar ao Madureira após empréstimo

Fellype Gabriel (meia) – contrato até 31/12/2016 – Está a caminho do Boavista

Mateus Pet (meia) – contrato até 04/09/2018 – Fica

Nenê (meia) – contrato até 31/12/2018 – Fica

Andrezinho (meia) – contrato até 31/05/2018 – Fica

Evander (meia-atacante) – contrato até 25/12/2020 – Fica

Éderson (atacante) – contrato até 19/06/2017 – Fica

Jorge Henrique (atacante) – contrato até 31/12/2017 – Fica

Júnior Dutra (atacante) – contrato até 30/04/2017 – Negociável

Leandrão (atacante) – contrato até 02/09/2017 – Está a caminho do Boavista

Eder Luis (atacante) – contrato até 17/09/2017 – Fica

Caio Monteiro (atacante) – contrato até 17/09/2018 – Fica

Thalles (atacante) – contrato até 31/12/2019 – Fica

Todos os contratos na tabela estão de acordo com o Boletim Informativo de Registro de Atletas.

Quem chega, quem sai, quem interessa…

Após a saída de Jorginho, o presidente Eurico Miranda não demorou muito para confirmar o novo treinador do Vasco: Cristóvão Borges, que comandou a equipe entre 2011 e 2012. Até agora, ele foi o único nome oficializado pelo mandatário, que ressaltou não haver “tempo de contrato”. O próprio Eurico disse que “Cristóvão vai ficar o tempo que quiser”.

Um nome bastante falado nos bastidores é o de Anderson Barros, diretor de futebol do Vitória. Apesar de Eurico Miranda descartar a denominação “diretor-executivo de futebol”, Barros pode chegar ao Vasco para fazer função semelhante na prática e trabalhar junto com Isaías Tinoco.

Quem interessa ao Vasco é o atacante Luís Fabiano, que rescindiu recentemente com o clube chinês Tianjin Quanjian. O próprio atacante disse que até o momento não está negociando com times brasileiro. Mas ele segue como um desejo da diretoria cruz-maltina. Alecsandro também era uma opção, mas o centroavante renovou com o Palmeiras.

No restante do elenco, a maioria tem contrato para a próxima temporada. Dos vínculos que terminam agora no fim do ano, o zagueiro Aislan não deve permanecer no clube.

Fonte: GloboEsporte.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *