Ex-Vasco, Zagueiro inicia aventura no Chipre

[dfads params=’groups=587′]

Uma das maiores promessas das categorias de base do Flamengo na década passada, o zagueiro Fabrício vai vestir a camisa do seu 14º clube aos 27 anos. O jogador, que surgiu no Rubro-Negro e que ao longo da carreira defendeu equipes como Vasco, Fluminense, Palmeiras, Atlético-PR e Cruzeiro, deu início a sua passagem pelo Omonia, do Chipre.

O zagueiro assinou um contrato de dois anos com o time da primeira divisão nacional após ter passado pelo Astra Giurgiu, da Romênia, na temporada 2016/2017. Ele se apresentou e, inclusive, já participou de um amistoso com a nova equipe.

Fabrício se apresentou ao novo clube, que é tradicional no Chipre
Fabrício se apresentou ao novo clube, que é tradicional no Chipre (Foto: Arquivo Pessoal)

– Tenho 27 anos e essa idade para um zagueiro costuma ser a do auge técnico da carreira, aliando-se a isso a experiência acumulada. É o quarto país europeu em que atuo e espero novamente fazer um bom trabalho. Sei do meu potencial e onde posso chegar – disse o zagueiro.
[dfads params=’groups=588′]
[dfads params=’groups=1322′]
Fabrício foi revelado nas categorias de base do Flamengo, onde quase sempre foi destaque. Em 2008, foi emprestado ao Paraná e, logo depois, ao Hoffenheim, da Alemanha. Em 2009, chegou a receber oportunidades no Rubro-Negro e participou do título do Campeonato Brasileiro. Ainda fez parte do grupo da seleção brasileira sub-20 vice-campeã mundial naquele mesmo ano – nomes como Alex Teixeira, Douglas Costa e Paulo Henrique Ganso faziam parte daquele time.

Sem correspender às expectativas, passou a rodar: defendeu clubes como Palmeiras, Cruzeiro, Atlético-PR, Vasco, Vitória, Fluminense e Bragantino. Na volta ao exterior, passou pelo Partizan, da Sérvia, Muangthong, da Tailândia, e pelo Astra Giurgiu, da Romênia, onde estava na temporada passada do futebol europeu.

Último clube de Fabrício no Rio foi o Fluminense, em 2014
Último clube de Fabrício no Rio foi o Fluminense, em 2014 (Foto: Matheus Andrade / Photocamera)

– É minha quinta experiência internacional e espero poder ter no Omonia uma passagem semelhante a que tive no Astra, quando obtivemos resultados significativos, inclusive avançando de fases na Liga Europa – afirma.
[dfads params=’groups=587′]
No Omonia, Fabrício vai encontrar o zagueiro brasileiro William e o volante holandês Hedwiges Maduro, ex-Ajax, Valência e Sevilla e que jogou a Copa do Mundo de 2006. O clube estreia no campeonato nacional no dia 19 de setembro diante do AEK Larnaca.

Fonte: Globoesporte.com
[dfads params=’groups=587′]
[dfads params=’groups=1322′]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *