Fabuloso não tem previsão para retornar ao time

[dfads params=’groups=587′]

Luis Fabiano voltou nesta quarta-feira a treinar em campo com os companheiros, mas ainda não tem previsão para retornar ao time. Ele segue fazendo um trabalho específico no Caprres, sob a supervisão do gerente científico Alex Evangelista, que ressaltou que o jogador não tem qualquer tipo de problema físico, mas precisa melhorar alguns índices.

[dfads params=’groups=588′]
[dfads params=’groups=1322′]

– É uma prerrogativa do Caprres cuidar da saúde do atleta. Com as avalições, ele não tem uma patologia. E por que parar o jogador? A cartilagem (do quadril), dentro da articulação, se for gasta, acabou. Antes que isso aconteça, o cuidado é parar o jogador progressivamente para estruturá-lo. Para ele ganhar massa muscular, força e mais mobilidade e desenvolver com qualidade o que sabe fazer – explicou Evangelista.

[dfads params=’groups=588′]

Luis Fabiano fazendo trabalho em academia do Vasco (Foto: Paulo Fernandes / Vasco)Luis Fabiano fazendo trabalho em academia do Vasco (Foto: Paulo Fernandes / Vasco)

Luis Fabiano fazendo trabalho em academia do Vasco (Foto: Paulo Fernandes / Vasco)

[dfads params=’groups=587′]
[dfads params=’groups=1322′]

Segundo o gerente científico, a decisão para tratar do Fabuloso aconteceu após ele reclamar de dor no quadril, que também provocava dor no joelho. Com os exames, ficou-se decidido de que ele realizaria um trabalho especial.

– Seria leviano dar uma previsão agora. Sou cobrado o tempo inteiro. Hoje ele evoluiu uma parte no campo. É monitorado, tem avalições de força, de simetria muscular. (Será liberado) quando ele estiver encaixado naquilo que a gente julga importante para desenvolver alta intensidade sem risco de provocar patologia.

Alex Evangelista, gerente científico do Vasco, e Milton Mendes (Foto: Paulo Fernandes/Vasco)Alex Evangelista, gerente científico do Vasco, e Milton Mendes (Foto: Paulo Fernandes/Vasco)

Alex Evangelista, gerente científico do Vasco, e Milton Mendes (Foto: Paulo Fernandes/Vasco)

Evangelista atualizou também as situações de outros jogadores do elenco que estão com problemas físicos. Ele citou o projeto que chama de Lesão Zero como uma forma de tentar esvaziar o mais rápido possível o departamento médico do Vasco.

– O projeto serve justamente quando a gente tem lesão. Temos que ter responsabilidade. Nós (do Caprres) nos reunimos quando tem uma lesão e tentamos esvaziar o DM. É estar com a luz máxima acesa.

Veja as situações de outros atletas:

Paulão
Estamos aguardando os médicos para avaliar a ressonância. Ele já está sem dor e inicia processo de fortalecimento hoje à tarde.

[dfads params=’groups=587′]

Bruno Paulista
Treino normalmente com o grupo. Fez tratamento na folga e está melhor.

Breno e Wagner
Estão fazendo trabalho de transição com força máxima, em alta intensidade. Não posso dar previsão, porque amanhã pode ter resposta de dor no pós-treino. Mas já estão treinando a parte física para que possam ser entregues ao Milton. Não sabemos ainda o dia.

Caio Monteiro
Precisa de atenção especial, porque vem evoluindo em relação à compleição física. Precisa ganhar massa muscular. Não pode ter pressa. É necessário que ele ganhe condições musculares para atender à demanda de uma partida de 90 minutos e à sequência de jogos. Estamos evoluindo progressivamente com ele.

Marcelo Mattos
Está em processo final. Pode levar um mês, um mês e meio. Precisou fazer cirurgia no tendão do músculo anterior da coxa e perdeu muita massa muscular. Agora está praticamente recuperado e vai seguir processo de fortalecimento.

Kelvin
Acabou de chegar de São Paulo. Fez cirurgia bastante delicada, requer atenção muito especial. Provavelmente vai levar oito ou nove meses para voltar.

Fonte: GloboEsporte.com

[dfads params=’groups=587′]
[dfads params=’groups=1322′]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *