Juniores: Vasco perde para o Atlético-MG por 3 a 2 e é eliminado da Copa do Brasil Sub-20

[dfads params=’groups=587′]

O Vasco perdeu para o Atlético-MG por 3 a 2 na noite desta sexta-feira em São Januário e foi eliminado da Copa do Brasil Sub-20. Os gols do Vasco foram marcados por Pedro Bezerra e Hugo Borges.

Com dois gols no acréscimos, Atlético-MG vence Vasco e vai à final no Sub-20

Vasco e Atlético-MG fizeram um jogo de gente grande pela semifinal da Copa do Brasil Sub-20, nesta sexta-feira. O bom público em São Januário viu grandes momentos individuais dos jogadores vascaínos: João Pedro pegou pênalti de César no primeiro tempo, Ricardo salvou em diversas oportunidades, e Hugo Borges, voltando de lesão, marcou do meio-campo. A classificação esteve com o Vasco durante os 90 minutos. Mas nos acréscimos, ela mudou de mão. Em uma grande atuação coletiva, os mineiros viraram com gols aos 46 e 47 do segundo, de Anderson Cordeiro e Welinton, respectivamente. Fim de papo: Vasco 2×3 Atlético-MG. Na final, o Galo enfrenta o Flamengo no dia 8 em Minas e no dia 15 no Rio.

Os primeiros 20 minutos foram de total domínio do Atlético Mineiro. Logo no primeiro minuto, Flávio foi lançado em profundidade livre, mas Ricardo se recuperou e cortou para escanteio. Um minuto depois, o camisa 9 de novo apareceu cara a cara com João Pedro, que fez grande defesa para salvar o Vasco. Aos quatro, Flávio saiu de novo livre, driblou o goleiro vascaíno fora da área e caiu. O árbitro marcou simulação e amarelou o atacante atleticano, que admitiu ter dado o “migué”. Aos 9, Flávio cruzou, a bola bateu na mão de Ricardo, e o árbitro marcou pênalti para os visitantes. César bateu, e João Pedro pegou. A defesa do goleiro levantou a torcida do Vasco e deu uma murchada no Atlético.

Aos poucos o Vasco foi se soltando, e a partir dos 20 minutos conseguiu igualar as ações. Aos 28, Luan cruzou, e Pedro Bezerra abriu o placar. Mas o Atlético respondeu rápido. Em erro de Arthur, que entrou no lugar de Mayck, na saída de bola, Flávio enfim balançou as redes: tudo igual em São Januário.Com o empate, o Atlético continuou em busca do gol, mas o jogo diminuiu de ritmo até o fim da primeira etapa.
[dfads params=’groups=587′]

O Atlético não voltou do intervalo com a mesma intensidade do início do primeiro, mas teve boa chance após escorregão de Arthur na entrada da área. Flávio serviu Marco Túlio, mas Ricardo salvou o Vasco de tomar a virada. Os donos da casa conseguiram voltar para o segundo tempo tendo maior controle do jogo e ficando mais tempo no campo de ataque e sem dar grandes espaços para os mineiros. Aos 25 minutos, Marcus Alexandre pôs o centroavante Hugo Borges e o volante Luiz Henrique nos lugares de Pedro Bezerra e Dudu. A partir daí, o Vasco recuou e passou apostar nos contra-ataques. Artilheiro, Hugo Borges marcou do meio-campo para botar os donos da casaem vantagem. O jogo parecia nas mãos do Vasco. Mas em escanteio, com a vantagem no placar, o time foi a frente, e no contra-ataque, Anderson Cordeiro empatou aos 46 do segundo tempo. Um minuto depois, Welinton virou e deu a classificação ao Atlético Mineiro.

– Agradecer ao professor que me colocou. Agradecer a todo mundo. Agora é descansar e esperar a próxima fase. Queremos ser campeões, vamos em busca. Entrei concentrado, muito bem. Ajudei a equipe. Nunca imaginei que fosse fazer esse gol, mas agora é só agradecer a Deus – disse Welinton, autor do gol da classificação.
[dfads params=’groups=588′]
Fonte: GloboEsporte.com

Sub-20 perde para o Atlético-MG e deixa Copa do Brasil

O Vasco da Gama enfrentou o Atlético-MG nesta sexta-feira (02/06), em São Januário, pelo segundo jogo da semifinal da Copa do Brasil Sub-20. Após ficar na frente do por duas vezes, o Cruzmaltino acabou perdendo pelo placar de 3 a 2. Os gols vascaínos foram marcados por Pedro Bezerra e Hugo Borges.

Com o resultado, o Gigante da Colina está eliminado da competição nacional e volta os olhares para o Campeonato Estadual.

O JOGO

O Vasco começou a partida no campo de ataque. Logo aos dois minutos, Bruno Cosendey arriscou de fora da área e a bola passou perto do gol adversário. Sete minutos depois, o Galo foi para o ataque e teve um pênalti marcado a seu favor. O jogador alvinegro cobrou e João Pedro fez grande defesa.

A equipe cruzmaltina trocava passes e buscava chegar ao primeiro gol na partida. Do outro lado, o Atlético-MG também procurava impor seu jogo. Aos 22 minutos, Paulinho rolou a bola e Luan chegou batendo por cima do gol.

Na sequência, o Vasco abriu o placar em São Januário. Após cruzamento, Pedro Bezerra, dentro da grande área, chutou e estufou a rede: VASCO 1 x 0. Dois minutos depois, o Galo chegou ao gol de empate: Atlético-MG 1 x 1.
[dfads params=’groups=588′]
A etapa complementar começou sem grandes chances. As equipes procuravam chegar ao ataque, mas esbarravam na defesa atleticana. Mesmo com mais posse de bola, o Cruzmaltino não chegava ao último passe.

A primeira grande oportunidade foi aos 34 minutos. Voltando de lesão, o atacante Hugo Borges arriscou o chute pouco depois do meio de campo e encobriu o goleiro. Uma pintura em São Januário: VASCO 2 x 1.

Já nos acréscimos, o Galo saiu em contra-ataque aos 46 e empatou a partida na Colina Histórica: Atlético-MG 2 x 2. Logo na sequência, novamente em contra-ataque, o Alvinegro marcou mais um: Atlético-MG 3 x 2.

Fonte: Site oficial do Vasco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *