Lesão de Luis Fabiano no Vasco teve injeções e sofrimento da mulher

[dfads params=’groups=587′]

Foram sete jogos fora, que totalizaram um mês de ausência. Afastado por dores crônicas no quadril, Luis Fabiano precisou passar por um tratamento intensivo e doloroso até retornar ao time do Vasco no domingo passado, no empate por 1 a 1 com o Palmeiras, em Volta Redonda (RJ).
[dfads params=’groups=587′]
[dfads params=’groups=1322′]
Como, até então, não possuía uma previsão de retorno, a lesão do experiente atacante levantou desconfiança em parte dos torcedores, fato que levou sua mulher, Juliana, a desabafar nas redes sociais na semana passada, antes da volta do Fabuloso aos gramados.

Mulher de Fabuloso desabafa no Instagram

Após ler críticas de uma seguidora diante de um registro do casal na companhia do meia Jadson, do Corinthians, e do lateral direito Luis Ricardo, do Botafogo – ambos com suas respectivas esposas – ela detalhou os momentos de sofrimento durante o tratamento do marido: “(…) o ‘cara’ que você disse é um dos jogadores mais profissionais e íntegros do futebol. Está há meses vivendo a base de remédios para dor, anti-inflamatórios, tomando injeção, dando a vida para voltar a jogar. Fazendo tratamento manhã, tarde e noite (…)”.
[dfads params=’groups=588′]
[dfads params=’groups=1322′]
Em seguida, Juliana alegou que o período de recuperação dolorosa de Luis Fabiano teve consequências para ela também: “(…) Durante esse tempo todo eu estive doente, fui internada várias vezes com dores no estômago e vomitando sem parar. Tudo porque ver alguém que amo sofrer, me mata. Só eu sei tudo que ele tem feito para voltar a jogar (…)“.

Ao UOL Esporte, o departamento médico do Vasco informou que Fabuloso já está 100% livre das dores na região do quadril.

Antes do Palmeiras, sua última partida havia sido no clássico com o Flamengo, dia 8 de julho, em São Januário.

Técnico da equipe, Milton Mendes destacou a importância do atacante após o empate:
[dfads params=’groups=587′]
“O Luis é nossa referência, a ponta do iceberg, precisamos muito dele. Estava cansado (no jogo) e não pude tirá-lo porque precisávamos dele. Fez tudo que podia, estamos orgulhosos. Se estiver bem na sequência, vamos mantê-lo”.

Embora tenha ficado bastante tempo ausente, ele segue sendo o artilheiro do Vasco no Campeonato Brasileiro com cinco gols.

Fonte: UOL
[dfads params=’groups=587′]
[dfads params=’groups=1322′]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *