Martín Silva: ‘Não chamamos isso de crise, está longe de ser. Em 2014, o Vasco teve um ano mais complicado’

A preparação do Vasco da Gama para a partida contra o Oeste, pelo Campeonato Brasileiro, segue a todo vapor. Em São Januário, no gramado principal, o elenco cruzmaltino voltou a realizar atividades físicas, técnicas e táticas. O treinador Jorginho aproveitou a tarde desta quinta-feira (08/09) para fazer os últimos ajustes na equipe, que busca retomar o caminho das vitórias no sábado (10), às 16h30.

Diante do clube paulista, o Gigante da Colina contará com o retorno de dois jogadores importantes: o goleiro Martín Silva e o zagueiro Luan. O defensor regressa após cumprir suspensão, enquanto o primeiro volta ao time motivado e com sede de vitória após defender a Seleção do Uruguai nas Eliminatórias para a Copa de 2018. Em entrevista coletiva, o uruguaio analisou a fase vascaína e descartou qualquer tipo de crise.

– Não chamamos isso de crise, está longe de ser. Em 2014, o Vasco teve um ano mais complicado. Hoje, o clima no vestiário é muito bom e isso contribui para a conquista de bons resultados. Lideramos a competição e vamos ultrapassar essa fase de dificuldade com dedicação e trabalho. O Vasco é um time grande e essa pressão que vivemos é normal, até porque estamos jogando uma competição que o clube não deveria estar. Estamos tranquilos e confiantes, pois temos potencial para conquistar o triunfo e dar início a uma nova boa fase – disse o arqueiro.

Titular absoluto da meta cruzmaltina, Martín Silva acredita que o Vasco tem tudo para voltar a vencer no Campeonato Brasileiro já no próximo fim de semana. O goleiro confia que conquistando os três pontos, o Almirante recuperará a confiança e passará a ter o mesmo desempenho do primeiro semestre, quando conquistou a Taça Guanabara, o Bicampeonato Carioca e ostentou a maior invencibilidade do futebol nacional.

– A ordem agora é vencer. A vitória é a única coisa que nos interessa. Estamos preocupados sim, até porque esse não é o cenário que esperávamos, ficar tanto tempo sem vencer. Vamos fazer de tudo para conquistar um resultado que nos faça acabar com esse jejum de vitórias. A confiança vale muito em qualquer esporte e temos que recuperá-la. O trabalho está feito de uma maneira muito boa e temos tudo para ter um caminho tranquilo até o fim do ano. É um torneio difícil, mas temos potencial para liderá-lo. Cabe a cada um fazer o seu melhor para ajudar o Vasco. Precisamos ser protagonistas – declarou o goleiro vascaíno.

Fonte: Site oficial do Vasco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *