Sócio do Vasco notifica Campello e pede explicações sobre venda de Paulinho


[dfads params=’groups=587′]
[dfads params=’groups=1322′]
Venda de Paulinho agita os bastidores do Vasco

Durante a última reunião do Conselho Deliberativo, o presidente Alexandre Campello, e o Presidente do Conselho Deliberativo, Roberto Monteiro, foram notificados extrajudicialmente pelo sócio e advogado Luís Roberto Leven Siano, que pede apuração de eventuais irregularidades da venda do Paulinho, e abertura de inquérito interno no clube. No documento, Leven Siano, ligado a apoiadores da candidatura de Julio Brant, acusa o mandatário de ter ferido a regra de transferências da Fifa, que proíbe o pagamento de comissão a empresários. Durante coletiva, Campello admitiu que Carlos Leite receberia comissão pelo negócio. Na realidade, o Cruz-maltino tinha um débito de R$ 10 milhões com o o agente, que será abatido a partir da venda do jovem.
[dfads params=’groups=588′]
[dfads params=’groups=1322′]
O associado vascaíno aponta ainda que Paulinho foi vendido por valor inferior à multa, o que não é proibido.  O Vasco estipulou sua multa rescisória em 30 milhões de euros (cerca de R$ 127 milhões), mas por conta da situação financeira delicada, os valores do acordo chegaram a  18,5 milhões de euros (cerca de R$ 78 milhões).

Roberto Monteiro já encaminhou a situação para o Conselho Fiscal e pediu um parecer sobre o tema.
[dfads params=’groups=587′]
[dfads params=’groups=1322′]
A transação de Paulinho foi o estopim para que 13 vice-presidentes vascaínos se desligassem da gestão. Uma das denúncias feitas pelos insurgentes era de que os detalhes do contrato do negócio de não tinham sido revelados, que a pasta do atacante havia sumido do departamento de futebol e de que não se sabia nem ao menos se os valores entraram nos cofres cruzmaltinos.

Fonte UOL.COM

Instale o Aplicativo do Vasco e fique por dentro de todas as notícias do Gigante da Colina


[dfads params=’groups=588′]
[dfads params=’groups=1322′]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *