Vasco elimina o Flamengo e está garantido nas quartas da Copa do Brasil

O “Clássico dos Milhões” agitou o Maracanã na noite desta quarta-feira (26/08). Do lado do Flamengo, muita coisa foi falada ao longo da semana. Dentro de campo, porém, o que se viu foi um novo placar favorável ao Vasco: empate por 1 a 1. O resultado classificou o Gigante da Colina, que venceu o primeiro jogo por 1 a 0.
O adversário vascaíno nas quartas de final da competição nacional será conhecido na próxima segunda-feira (31), às 11 horas, durante sorteio que será realizado no auditório da sede da CBF, no Rio de Janeiro. A ordem dos mandos de campo será sorteada pouco tempo depois, às 12h30, no mesmo local.

O JOGO
Precisando de gols para reverter a vantagem vascaína, o Flamengo foi com tudo para o ataque no começo do clássico. Logo no primeiro minuto, Guerrero serviu Ederson e o viu finalizar para fora. Mais ofensivo, o rubro-negro abriu o placar aos cinco minutos. Após chute cruzado de Jorge, Madson desviou a bola sem querer e acabou tirando a chance defesa de Martín Silva: Flamengo 1 x 0. O Vasco tentou igualar o marcador aos nove minutos, mas a cobrança de falta de Rodrigo foi defendida em dois tempos por Paulo Vitor.
A partida seguiu movimentada. Após o Gigante da Colina tentar algumas investidas sem sucesso pelos flancos, o clube da Gávea levou perigo aos 24 minutos em cobrança de falta de Ederson. Também em bola parada, essa cobrada por Nenê, o cruzmaltino assustou. Na oportunidade, aos 29, Paulo Vitor saiu do gol e evitou cabeçada de Anderson Salles. Outra boa investida vascaína ocorreu aos 37 minutos, quando Nenê enfiou linda bola para Jorge Henrique, que invadiu a área e não conseguiu finalizar.

Sem Guerrero e Ederson, substituídos ainda no primeiro tempo, o Flamengo retornou para a etapa final tomando a iniciativa. Apesar do começo ameaçador do rubro-negro, o Vasco não se mostrou nervoso e teve maior posse de bola nos momentos seguintes. Aos 14 minutos, Nenê cobrou falta e, por duas vezes, a defesa do clube da Gávea salvou em cima da linha. Primeiro Jorge, após cabeçada de Rodrigo, e depois Paulo Vitor, em finalização de Anderson Salles. A reposta rival veio aos 21, em chute de Paulinho. Martín Silva espalmou para escanteio.

O camisa 1 do Gigante da Colina voltou a aparecer aos 32 minutos para defender arremate de longe de Márcio Araújo. De sua meta, solitário, o uruguaio viu o herói do título do Campeonato Carioca voltar a brilhar. Aos 35 minutos, Rafael Silva entrou em campo no lugar de Jorge Henrique. Um minuto depois, o camisa 19 aproveitou cruzamento de Nenê e usou a cabeça para novamente estufar as redes no Maracanã, garantindo assim a classificação vascaína: VASCO 1 x 1.

FICHA TÉCNICA

VASCO DA GAMA 1 x 1 FLAMENGO
Copa do Brasil- Oitavas de Final- 2º jogo
Local: Estádio Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho (SP) e Guilherme Dias Camilo (MG)
Público presente: 49.367 torcedores Público pagante: 45.408 torcedores
Renda: 2.7449.380, 00
Gol: Madson (contra), aos 5′ do 1º tempo; Rafael Silva, aos 36′ do 2º tempo.

Cartões amarelos: Márcio Araújo, Jorge, Emerson Sheik, Pará (Flamengo); Anderson Salles (Vasco);

Cartão vermelho: Pará (Flamengo).

VASCO: Martín Silva, Madson (Jean Patrick), Anderson Salles, Rodrigo e Christianno; Guiñazu, Serginho, Julio dos Santos, Nenê e Jorge Henrique (Rafael Silva); Riascos (Thalles). Treinador: Jorginho.

Flamengo: Paulo Vitor, Pará, César Martins, Samir e Jorge; Márcio Araújo, Canteros, Ederson (Marcelo Cirino) e Éverton (Jonas); Emerson Sheik e Guerrero (Paulinho). Treinador: Oswaldo de Oliveira.

Texto: Carlos Gregório Júnior

Site Oficial do Vasco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *