Vasco tenta, mas não consegue impedir perícia em lista de sócios

[dfads params=’groups=587′]

A gestão de Eurico Miranda no Vasco teve mais uma derrota na Justiça ao ter negado o recurso em que pedia para que a Justiça não analisasse o conteúdo do HD apreendido na sede da empresa que guarda a lista de votantes nas eleições do clube, no início do mês. O agravo de instrumento foi negado pelo desembargador Cherubin Schwartz, da 12ª Câmara Cível no último dia 10. Com isso, a perícia nos arquivos apreendidos começou a ser realizada.

O objetivo da análise da lista de votantes é impedir que sejam inseridos nas vésperas da eleição, em novembro, eleitores que não sejam sócios, de fato, além de analisar quem está realmente em dia com as mensalidades. Denúncias de “fantasmas” foram a tônica do último pleito, em 2014.  
[dfads params=’groups=587′]
[dfads params=’groups=1322′]
O recurso foi movido pela empresa que presta serviço para o clube, I-Build do Rio de Janeiro Comércio de Informática LTDA. O Vasco foi procurado para comentar a decisão do desembargador, mas disse que não comentaria o assunto, por estar sendo tratado pelo departamento jurídico.

Fonte: Espn.com.br
[dfads params=’groups=588′]
[dfads params=’groups=1322′]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *