Veja quanto o Vasco poderá receber com a possível venda de Philippe Coutinho ao Barcelona

[dfads params=’groups=587′]

A janela de transferências europeia está quente. Depois da maior transação da história do futebol, envolvendo o craque brasileiro Neymar (vendido ao PSG por 222 milhões de euros), outro fora de série nascido no Brasil pode entrar para a história. Camisa 10 do Liverpool, o meia Philippe Coutinho está muito próximo de ser o novo reforço do Barcelona, e o Vasco tem muito o que ficar de olho nesta negociação.

A imprensa estrangeira já dá como praticamente certa a transferência do meia revelado pelo Vasco da Gama. Desta forma, a ida do atual jogador do Liverpool ao Barcelona, que foi formado e ficou no Vasco (levando em consideração o Mecanismo de Solidariedade da Fifa) dos 12 aos 18 anos, renderia ao Cruz-Maltino 2,5% do valor total da transação. Mas como funciona esse mecanismo? Entenda:
[dfads params=’groups=587′]
[dfads params=’groups=1322′]
A Fifa divide o Mecanismo de Solidariedade, correspondente a 5% de qualquer negociação, da seguinte forma:

– Temporada do 12º aniversário: clube leva 5% (0,25% da compensação total)
– Temporada do 13º aniversário: clube leva 5% (0,25% da compensação total)
– Temporada do 14º aniversário: clube leva 5% (0,25% da compensação total)
– Temporada do 15º aniversário: clube leva 5% (0,25% da compensação total)
– Temporada do 16º aniversário: clube leva 10% (0,5% da compensação total)
– Temporada do 17º aniversário: clube leva 10% (0,5% da compensação total)
– Temporada do 18º aniversário: clube leva 10% (0,5% da compensação total)*
– Temporada do 19º aniversário: clube leva 10% (0,5% da compensação total)
– Temporada do 20º aniversário: clube leva 10% (0,5% da compensação total)
– Temporada do 21º aniversário: clube leva 10% (0,5% da compensação total)
– Temporada do 22º aniversário: clube leva 10% (0,5% da compensação total)
– Temporada do 23º aniversário: clube leva 10% (0,5% da compensação total)

*Somando o tempo que Coutinho ficou no Vasco, dos 12 aos 18 anos, o clube tem direito a 2,5% do valor.
[dfads params=’groups=588′]
Ainda não há uma quantia exata da transferência de Philippe Coutinho para o Barcelona, mas levando em consideração os números que mais circulam na imprensa, o Esporte Interativo separou três valores com a conversão do que o Vasco poderá receber:

– ​Caso seja vendido por € 100 milhões (R$ 367 milhões) – R$ 9.175.000,00

– Caso seja vendido por € 120 milhões (R$ 440,4 milhões) – R$ 11.010.000,00

– Caso seja vendido por € 150 milhões (R$ 550,5 milhões) – R$ 13.762.000,00
[dfads params=’groups=587′]
UM PORÉM

​Apesar da animadora quantia com a possível venda da joia do Vasco da Gama, há um porém: para que qualquer clube do futebol brasileiro receba o benefício do Mecanismo de Solidariedade da Fifa, ​a CBF deve reconhecer o time com o certificado de Clube Formador e, atualmente, o Cruz-Maltino não consta na ​lista da entidade máxima de futebol com tal título.

A reportagem do Esporte Interativo procurou o Vasco para saber a respeito deste fato, e o clube afirmou que não haverá problema em receber o valor, caso Philippe Coutinho se transfira para o Barcelona, que o Mecanismo de Solidariedade da Fifa prevê.

O Vasco alega que consegue “rapidamente” o Certificado de Clube Formador, visto que, anteriormente, em transações como a de Alan Kardec e Alex Teixeira – entre outros -, todos formados na base do clube, não houve problema nenhum para receber os valores devidos.

Fonte: Esporte Interativo
[dfads params=’groups=587′]
[dfads params=’groups=1322′]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *