Zagueiro do Santos critica portões fechados em duelo com o Vasco: ‘Uma várzea’

[dfads params=’groups=587′]

Atuar em um estádio completamente vazio é uma coisa que desanima os participantes de uma partida de futebol. Apesar do discurso inicial de que ‘não faz diferença’, os jogadores de Vasco e Santos sentiram bastante a ausência da torcida e fizeram um jogo sofrível no Engenhão, que fatalmente acabou empatado em 0 a 0 e não foi bom para nenhuma das equipes.

O zagueiro David Braz, que costuma ‘puxar’ a torcida do Peixe nas partidas disputadas na Vila Belmiro, lamentou o fato do estádio carioca estar completamente vazio e pediu um outro tipo de punição aos clubes.
[dfads params=’groups=588′]
[dfads params=’groups=1322′]
“Isso é uma várzea. O que fizeram aqui (fechar os portões) estragou o espetáculo. Tem que dar outra multa.”, esbravejou o camisa 14 na saída do gramado.

A partida aconteceu sem a presença de torcedores após o clube carioca ser punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pela briga ocorrida no clássico contra o Flamengo, em São Januário.

Assim como o jogo, o empate foi ruim para as duas equipes. O Alvinegro Praiano chegou 24 pontos, seguiu na terceira colocação, mas não diminuiu a diferença para o líder Corinthians, que só empatou com o Atlético-PR no último sábado e ficou com 36. Já o Cruz-Maltino parou nos 20 pontos e não conseguiu encostar nas primeiras posições do torneio.
Fonte: Fox Sports
[dfads params=’groups=587′]
[dfads params=’groups=1322′]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *